Publicado por: moacirmolotov | 09/12/2009

A mega volta por cima dos ex-maquiados.


Mudvayne

Mudvayne

MySpace

Download

Epic Records -2009

Pra quem não sabe, o Mudvayne é um quarteto norte americano que costumava se apresentar maquiado, o que fazia muita gente torcer o nariz, considerando-nos uma cópia barata do Slipknot, mas, frescuras a parte, trouxeram um diferencial ao rock pesado no ano de 2000, ao lançar o maravilhoso L.D. 50, que acrescentava o Math Metal, o Metal Progressivo e um nível elevado de psicopatia ao manjado New Metal que dominava o planeta na época.

2 anos depois, o quarteto voltou com nova maquiagem e com The End of All Things to Come, outro ótimo album, mas inferior ao debut (Mas conta com duas das melhores músicas já criadas pela banda: Skrying e a pseudo-balada World So Cold) .

Em 2005, com o New Metal já praticamente extinto, abandonaram suas maquiagens e lançaram Lost and Found, disco mediano, com canções radio-friendly, mas que ainda contava com belas pedradas como Fucking Determined , a esquisita Choices e TV Radio.

Em 2008 voltaram com o entediante The New Game, que mal consegui inteiro uma vez sequer.

Foi completamente desacreditado quanto ao futuro do Mudvayne que baixei então o novo disco, intitulado apenas de Mudvayne, e puta que pariu, já na primeira música Beautiful and Strange tomei um susto. Depois de um minuto de ruídos começa com uma pancadaria só, retomando a técnica dos primeiros 2 discos mas com nova roupagem, melodias, ótimos riffs e peso. Ainda não estava crendo muito que seria um bom disco, mas a segunda música 1000 Mile Journey mal começou e eu logo notei que estava errado: Mais Mudvayne circa 2000. Baterias quebradas, velocidade, agressividade e ótimas melodias.

Dessa vez aqui parece mesmo que os ex-maquiados acertaram em cheio. Mesmo com algumas canções menos impactantes, o disco conta com diversos momentos maravilhosos, como em sua melhor música, Closer, diferente de tudo que já foi realizado pelo quarteto, a agressiva I Can’t Wait, Scream With Me com sua introdução de guitarra a-la-Tool, Heard it All Before que conta com linhas de baixo hipnotizantes e um solo fudido de guitarra, a esquisita quase balada, com cara de anos 80/90 All Talk, dentre outras das 11 canções.

O disco termina calminho com a baladinha acústica Dead Inside que não acrescenta nada, mas também não deixa a desejar.

Parece que o Mudvayne está de volta pra moer a porra toda. Só resta agradecer: Obrigado! Ainda não é tão doente nem tão genial como o L.D. 50, mas está ali pau a pau com o The End of All Things to Come. Coisa finíssima.

Nota: 8,5

Tracklist:

1. Beautiful And Strange
2. 1000 Mile Journey
3. Scream With Me
4. Closer
5. Heard It All Before
6. I Can’t Wait
7. Beyond The Pale
8. All Talk
9. Out To Pasture
10. Burn The Bridge
11. Dead Inside

 E toma-lhe 2 clipzinhos dos sons mais fodaços.

Death Blooms – Ao Vivo. (Do L.D. 50)

 

World So Cold (Do End of All…)

 

Mário Ribeiro


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: